NOVIDADES חידושים

CERIMÔNIA DE YOM HAZICARON

13/05/2019

Na última quarta-feira, 08/04, realizamos uma linda cerimônia de Yom haZicaron para as turmas do Ensino Fundamental II e Médio. Foram momentos de muita emoção, no qual lembramos e homenageamos os soldados que caíram nas guerras em defesa do Estado de Israel e as inúmeras vítimas de atentados terroristas.

A solenidade foi preparada pelos alunos da 1ª série do Ensino Médio, durante as aulas de Ivrit, onde puderam aprofundar-se no tema, conhecer histórias emocionantes e relatos heroicos de chaialim, que expõem suas vidas para salvar osIehudim e Medinat Israel.

Frente às bandeiras nacionais de Israel e Brasil baixadas a meio mastro e a uma vela acesa no início da cerimônia, todos fizeram um minuto de silêncio em memória aos que tombaram nas batalhas. Em seguida, o rabino Saul Paves proferiu um discurso, no qual afirmou: “hoje é um dia muito triste. Homenageamos os soldados que dão suas vidas pela segurança e paz do nosso povo e as milhares de vítimas de atentados terroristas, que morreram simplesmente pelo fato de serem Iehudim. Todos eles são soldados de Hashem… Que suas memórias sejam abençoadas e sagradas.”

O foco da apresentação deste ano foi a batalha de Sultan Yaacov, ocorrida na primeira Guerra do Líbano em 1982 e a operação Zemer Nugué, realizada recentemente. Os alunos abordaram a trajetória do soldado Zechariá Baumel, que foi encontrado na Síria, em abril deste ano, após 37 anos desaparecido. Baumel tinha apenas 21 anos quando participou da Guerra do Líbano e foi declarado desaparecido em ação juntamente com dois outros soldados. Desde o momento em que os três soldados foram declarados desaparecidos, o exército de Israel não mediu esforços em conseguir informações sobre eles. Os pais de Baumel, manteram a esperança de encontrá-lo vivo, durante cada dia desses últimos anos.

Com a leitura de um lindo poema recitado por dois alunos e transmissão de um filme, todos foram comovidos e sensibilizados. Na sequência, o rabino Saul Paves proferiu com emoção a tefilá El Malê Rachamim, lembrando e pedindo piedade de cada Neshamá, dessas pessoas que morreram por Kidush Hashém.  

A aluna Tamara Susskind disse que foi um prazer participar da elaboração desta cerimônia. “Ficamos emocionados e sensibilizados com as histórias que pesquisamos. Neste ano, viajaremos para Polônia e Israel (Guesher Iavne) e sinto que estamos muito bem preparados. Agradeço cada oportunidade que temos no Colégio.”

© 2016 Colégio Iavne - Todos os Direitos Reservados

website by: plyn!